Participação da família na vida escolar: limites e possibilidades

Escola é um lugar de acolhimento, convivência, aprendizado, trocas de experiências, de ter contato com frustrações, de desafio e superação e de apoio.
É o lugar onde passamos grande parte da vida e boa parte (se não a maior parte) do dia.

A escolha de uma escola pela família deve ser definida, principalmente, pela confiança.

Sentir-se segura com a metodologia, com o ambiente e com os profissionais. Crianças são muito espertas e se percebem que existe um mínimo de insatisfação e insegurança por parte dos pais com a escola onde estão, isso pode afetar no seu comportamento e até no relacionamento com os profissionais com quem convive. Rapidamente e até inconscientemente pensam: “ora, se meus pais, que são as pessoas que eu mais amo e confio, não estão contentes com minha escola, por que eu vou estar?”.

Parceria família e escola

Quando a família torna-se verdadeiramente parceira da escola, os problemas e dúvidas que surgem no percurso são resolvidos pontualmente, de maneira respeitosa, afinal, ali estão profissionais capacitados e especializados para lidar com questões desse tipo. Todos ali apontam para o mesmo objetivo: o pleno desenvolvimento da criança.

Se o objetivo é comum, não há rivalidade ou competição. Há parceria. Esse é o ponto. Tanto a família precisa da escola, quanto a escola precisa da família. Há um limiar que divide até onde cada uma pode ir e, se um lado falha ou se omite, a outra ponta sente.

O engajamento e participação da família no dia a dia da escola faz toda a diferença!

É muito importante que os pais acompanhem as tarefas de casa e o que tem sido trabalhado em sala de aula, que chequem as mochilas e o caderno de comunicação família-escola, que se animem com as atividades extra-classe, vivendo junto com sua criança a alegria de uma excursão, de uma festa na escola, do diálogo constante com os professores.

Proporcionar também a ampliação da visão de mundo, visitando museus, feiras, conversando sobre os assuntos da atualidade, ouvindo o que a criança tem a dizer. E elas têm muito a dizer!

No Ensino Fundamental I do Colégio Batista entendemos a responsabilidade de contribuir para a formação integral de um indivíduo e trabalhamos todos os dias com o objetivo de ser parte da família de cada criança, assim como entendemos que as crianças são parte da família Colégio Batista Mineiro: há 100 anos participando da história de famílias que acreditaram na nossa!

 

Gabriela Palhares
Educadora do Colégio Batista Mineiro

Tags: