Mais do que disciplina e muitas horas de estudos, existem também outros fatores que fazem toda a diferença durante a caminhada para ingressar no tão sonhado curso superior. E para comprovar isso, na última semana, duas ex-estudantes do Colégio Batista Mineiro, Júlia Rodrigues e Larissa Murici, compartilharam com as turmas da 3ª Série como foram suas experiências até a aprovação no vestibular, além de dar algumas dicas de como ter êxito nessa jornada e torná-la mais leve.

Amigas desde o maternal, Júlia e Larissa são da mesma sala no curso de medicina e pretendem se especializar respectivamente em neurologia e pediatria ou ginecologia. Durante a conversa com os estudantes, elas ressaltaram a importância de absorver o máximo de aprendizado em sala de aula, principalmente em conteúdos voltados para o Enem. Segundo as amigas, os professores sempre auxiliavam com listas extras de exercícios, dicas de cursinhos e sugestões de videoaulas. “Além disso, é muito importante estabelecer uma rotina de estudos, criar cronogramas e aproveitar o tempo livre entre as aulas, o tempo no carro ao ir e voltar da escola e o intervalo para estudar”, salientou Júlia.

De acordo com Larissa, o apoio da família e a sua fé também foram fundamentais para que ela não perdesse o foco do seu objetivo: “É necessário prezar pela saúde mental, equilíbrio, abrir mão de algumas coisas, mas priorizar o tempo com Deus, com a igreja e com a família. Colocar Deus em primeiro lugar! Isso que me deu forças para continuar quando eu queria desistir. Mas sempre estudei e me dediquei muito”, afirmou.

Ao final do encontro, as estudantes contaram como está sendo a experiência dentro da faculdade e destacaram a gratidão por fazer o curso que sempre sonharam.

Tags: